Texto principal

TERMINADA MAIS UMA ÉPOCA DESPORTIVA, DESEJAMOS A TODOS ATLETAS E SEUS FAMILIARES UMAS BOAS E MERECIDAS FÉRIAS, DA NOSSA PARTE CONTINUAREMOS O TRABALHO PREPARANDO A NOVA ÉPOCA DE 2019/2020. BOAS FÉRIAS


sexta-feira, 24 de junho de 2016

BILHAR - JOSÉ RAMALHÃO ANTEVÊ PARTICIPAÇÃO NA FASE INTERMÉDIA

 VAMOS JOGAR COM TODAS AS RESPONSABILIDADES E MAIS ALGUMAS!
SOMOS BOAVISTA!

Para lançarmos a fase intermédia de apuramento de Bilhar, na variante de Pool Português, contactamos mais um elemento da equipa principal do Boavista, José Ramalhão.

Senhor Ramalhão, como viveu, esta época, que se concluiu com mais uma subida de divisão?

Pela minha parte, posso até dizer que são três subidas. Colectivamente, esta subida é para juntar à conseguida na época passada. 
Individual e simultaneamente, consegui esta época, subir ao primeiro escalão nacional ao terminar entre os cinco primeiros classificados.

Dou-lhe, os meus parabéns pela essa sua promoção que o deve encher de alegria. Era um objectivo pessoal?

Como tive oportunidade de lhe dizer, estive parado e quando recomecei a jogar, não apostava especialmente nisso, mas nunca jogo para perder e por isso, estou muito feliz e até, orgulhoso com esta promoção. Mas entre estas subidas, deu-me muito mais felicidade conseguir subir colectivamente pelo Boavista, que é um clube que me diz muito.

Estes dois anos marcaram a sua carreira. Em dois anos, chega da terceira à primeira divisão. Como se viveu tal facto?

Com muita alegria. Esta dupla subida do Boavista que se iniciou na modalidade num ano e chega da terceira divisão à primeira, com duas subidas consecutivas é extraordinária. Mesmo num campeonato em que existem equipas que investem muito e obviamente muito mais que nós.

Pura dedicação?

É verdade. Mesmo jogando com o nome do Boavista, o clube nada nos dá. É pura carolice da nossa parte. 
Eu quando jogava no Conquistador, tinhas algumas ajudas de custo e quando nos deslocávamos, como vamos agora a Leiria, as despesas eram-nos pagas e aqui, tal não acontece. 
Nesta fase, é por pura carolice e pela honra de representar um emblema tão importante do nosso país, em qualquer desporto.

No sábado, vão jogar uma fase de apuramento para a fase do título. o que espera desses jogos?

Será uma fase jogada, num só dia, com quatro equipas que desconhecemos, assim, como desconhecemos as mesas em que vamos jogar. 
Nós acreditamos nas nossas possibilidades, temos a consciência do nosso valor e iremos para Leira, para dar o melhor de nós. Esta é a única certeza.

Vão jogar sem pressão, já que o importante está assegurado?

Nada disso. Nós vamos jogar com todas as responsabilidades e mais algumas, nós somos o Boavista e assumimos toda a responsabilidade de lutar para vencer. Os jogadores de futebol têm uma frase em que asseguram "comer a relva" se for necessário, nós até "comeremos o pano" do bilhar!

Pensa assim, mesmo tendo conseguido a subida?

O nosso principal objectivo era a subida, mas o facto de termos ficado em segundo lugar e termos que marcar presença nesta série, é uma injustiça e só aconteceu pelos critérios de pontuação da primeira fase. 
Vamos jogar com quatro equipas que desconhecemos. Jogaremos com a equipa da casa que conhecerá as mesas e os buracos, que é uma grande vantagem e jogaremos com o Sporting, que mesmo com a segunda equipa, deverá ser muito forte, pois o clube tem muitos jogadores. 
Nós vamos dar o melhor e vamos tentar tudo pelo apuramento.