Texto principal

O BOAVISTA, VAI ORGANIZAR NO ÚLTIMO FIM-DE-SEMANA DE MAIO E PRIMEIRO FIM-DE-SEMANA DE JUNHO UM GRANDE TORNEIO DE BILHAR, QUE DECORRERÁ NA SALA DO ESTÁDIO DO BESSA

sexta-feira, 12 de maio de 2017

BOXE- VANESSA MOURA (A TRAQUINA) E MARIANA TAVARES ( A CAUTELOSA) A SIMPATIA DE DUAS PUGILISTAS





Encerramos a nossa reportagem ouvindo em conjunto as duas mais jovens e simpáticas pugilistas. Enquanto Vanessa esperava pela sua adversária de treino, fomos reparando que é a traquina do Boxe, enquanto a sua amiga Mariana se mostrava muito preocupada com a… entrevista.


Começamos pela simpática e a traquina. Como te chamas?
Vanessa Moura, sou júnior e luto em 60 quilos e tenho dezoito anos. (Tudo de rompante e sempre a rir)

Vais lutar pela primeira vez?
Não! Já lutei várias vezes.

Então para ti, é só mais e estás preparadíssima?
Estou sempre um pouco ansiosa, como é natural, porque é para o Campeonato Distrital que dará o apuramento para o Nacional, assim não é um combate qualquer.

Há quanto tempo praticas boxe?
Tenho que recuar no tempo, é uma longa história (riu-se) comecei no Kick aos seis anos e passei para o Boxe há quatro anos.

Porquê o Boxe?
Porque o meu pai já lutava e, como ele é, ex-comando, quer que os "filhos entrem na onda dele" e aqui estou a fazer a minha parte.

Onde estudas?
No Carolina Michaelis.

Como reagem as tuas amigas ao ver-te a jogar Boxe?
Elas olham para os rapazes “e é naquela” acham normal.  Olham para mim e admiram-se um pouco, principalmente porque sabem que prescindo de muita coisa para treinar, porque ando sempre cansada e não saio muito e elas gozam comigo.


E não lhes bates?
Para já, não. (riu-se)

Como consegues conciliar estudos e boxe?
Complicado sem dúvida, mas lá vou conseguindo.

Quem perde mais. O boxe por causa dos estudos ou estudos por causa do boxe?
Os estudos… um pouco. Mas só às vezes.

Quantos dias treinas por semana?
Todos os dias e quando não venho aqui, dou sempre umas corridas.

Preparada para ser campeã?
Vamos ver, mas eu estou sempre preparada.

Mariana Tavares, tinha chegado de fazer uma corrida e ficou surpreendida com a nossa presença. Surpreendida e nervosa. Tentamos brincar, mas a jovem continuou sempre preocupada.

Nome e idade?
Mariana e tenho vinte anos.

Em que escalão vais lutar?
Seniores em  51 quilos.

É o teu primeiro combate oficial?
Sim, sim.

Estás preparada?
Fisicamente e mentalmente sinto-me preparada, também tenho treinado para isso. Não me sinto nervosa, mas apenas ansiosa, que acho normal antes do primeiro combate.


Esperançada em vencer?
Não só com esperança, nem me passa pela cabeça outra coisa.

Há quanto tempo estás no Boavista?
Desde Outubro. Praticava outra arte marcial e o meu treinador aconselhou-me a vir para o boxe do Boavista, onde ele também já esteve cá.

Como é que uma menina escolhe o boxe?
Sempre gostei de desporto, mas as Artes Marciais e o Boxe, são modalidades que me dão mais pica.

O que fazes para além do boxe?
Trabalho em restauração.

Quantos treinos por semana?
Eu trabalho em turnos nocturnos, por isso, quase sempre venho de manhã. Quando não posso, venho treinar de tarde.


É complicado?
Quando se quer uma coisa, não há nada complicado.

BOXE - ANTÓNIO RODRIGUES, UM PESO-PESADO DE 17 ANOS



António Rodrigues, tem corpo de peso-pesado, mas ainda é júnior, pois tem somente dezassete anos. Atleta que se iniciou noutro clube, mas que se apaixonou pela escola axadrezada.


Quando se iniciou no boxe?
Há cerca de três anos e estou no Boavista a cerca de meio ano.

Em que clube se iniciou?
Comecei nos Briosos Valboenses.

Como foi a integração no seio da pantera?
Muito fácil. Sempre tive uma boa imagem da escola do Boavista e sempre dela ouvi falar bem. Neste tempo, que aqui estou, confirmei aquilo que me diziam. Gosto muito de estar no Boavista.

Porquê o Boxe?
Porque para além de sempre ter gostado do Boxe, é uma modalidade que me descontrai muito. Quando ando stressado, o treino de boxe, descontrai-me.

Quantos treinos, fazes por semana?
Quatro, no mínimo.

Amanhã será a tua estreia em ringue?
Não. Já joguei seis vezes, tendo perdido uma vez.

BOXE - JOANA MAGALHÃES, TREINA INTENSAMENTE PREPARANDO A SUA ESTREIA OFICIAL



Joana Magalhães, treinava intensamente, aproveitando uma ligeira paragem para descanso, trocamos algumas palavras com a pugilista, que se mostrava algo ansiosa e cansada, mas decidida.



Joana, é o teu primeiro combate oficial?
É o primeiro combate, sim. 

Como te sentes?
Um pouco nervosa e ansiosa, mas está tudo bem e tenho treinado muito bem. Estou preparada.

Jogar oficialmente, acaba por ser lógico. É para isso que treinas, ou não é assim?
Sim. Obviamente, quando optei pela competição, sabia que isto ia acontecer. Mas esta ansiedade passará.


O que esperas da tua estreia?
Vou fazer o meu melhor. Não quero desiludir o Senhor Caldas, que me tem treinado e eu tenho-me aplicado. Será uma primeira experiência e vai correr bem.