Texto principal

O BOAVISTA, VAI ORGANIZAR NO ÚLTIMO FIM-DE-SEMANA DE MAIO E PRIMEIRO FIM-DE-SEMANA DE JUNHO UM GRANDE TORNEIO DE BILHAR, QUE DECORRERÁ NA SALA DO ESTÁDIO DO BESSA

sábado, 22 de fevereiro de 2014

VOLEIBOL - INSÓLITO! AD PENAFIEL ABANDONA JOGO DE JUNIORES

Insólito! O jogo de Voleibol, na categoria de Juniores, entre o Boavista e o AD. Penafiel, não chegou ao fim por desistência da equipa Penafidelense.
Insólito e lamentável, acrescentamos.

A história é fácil de contar. Na hora marcada para o início do jogo não tinha comparecido nenhum árbitro oficial – o que se lamenta, tanto mais, que este fim-de-semana, poucos jogos se realizavam. Como é habitual, nestas situações, as equipas acordaram entre si, que a direcção da partida fosse entregue ao treinador adjunto do AD Penafiel.
A actuação, deste elemento, levou a vários protestos por parte do treinador axadrezado. Até a empate a dez pontos, as coisas foram correndo... mas depois deste empate, as visitantes ganharam vantagem de três pontos até 15/12. 

O Boavista recuperou para a diferença mínima e na jogada seguinte conseguiu um ponto – indiscutível – mas o árbitro viu? o contrário de todos os presentes… e deu o ponto para as Penafidelenses.
Protestou – com razão – o técnico axadrezado e o árbitro de imediato, desceu da cadeira e depois de conferenciar com a (sua) equipa, pousou o apito e recusou a continuar a dirigir o encontro.
Decidiram os treinadores chamar um árbitro presente na bancada (que muitos jogos tem realizado, em iguais circunstancias) mas quando este se preparava para (re)iníciar a partida… a AD Penafiel, informou que abandonava o jogo. Os momentos seguintes foram de alguma pressão, tendo as forasteiras – inclusive – recusado cumprimentar as Boavisteiras, que ficaram de mãos no ar.

O Boavista aproveitou o espaço e realizou um treino.

Foi insólito, lamentável e muito mau, tudo o que aconteceu. Mau porque os treinadores das equipas são professores do ensino secundário e se trabalham na formação… devem ensinar e formar, dando o exemplos às jovens que comandam.

Na formação desportiva, deve incutir-se o espirito da vitória, mas simultaneamente ensinar as atletas a saber aceitar a derrota. No desporto, como na vida, há vitórias e derrotas e é isso que devemos incutir nos jovens, nunca DESISTIR!

Que espirito, queremos deixar aos jovens para o futuro, se lhes ensinamos a desistir? No desporto, há o ganhar, o perder e NUNCA o desistir!

Sei que neste momento, já de cabeça mais fria, os professores que comandam as Jovens de Penafiel, estarão arrependidos da atitude que assumiram, mas espero que nunca mais repitam esta situação.

Para terminar, acusamos a AV Porto, pela falta de árbitros em jogos de formação. Nestes escalões nunca deveria acontecer este facto, pois os jovens merecem todo o respeito. Se não os respeitarmos hoje, como podem no futuro ser excelentes atletas?

Insólito, lamentável e muito mau!

Nunca se pode desistir, caros professores.




Artigo da responsabilidade de
Manuel Pina ferreira

sexta-feira, 21 de fevereiro de 2014

GINÁSTICA - AULA DE MEDITAÇÃO

Participe em mais uma inciativa do departamento de Ginástica

Aula de meditação no próximo domingo, das 10:30 às 12:00. Ginásio 7
O que levar:
* roupa descontraída,
* uma manta,
* meias quentes.

VOLEIBOL - SENIORES NOS AÇORES, NAS MEIAS DA TAÇA DE PORTUGAL

Realizou-se o sorteio das meias-finais da taça de Portugal, com a fava a sair ao Boavista.

O sorteio ditou uma difícil deslocação ao Arquipélago dos Açores, à ilha do Pico, para defrontar o CD Ribeirense, tricampeão nacional da I divisão e vencedor das três últimas edições da Taça de Portugal. Recorde-se que na época passada estas duas equipas também mediram forças para a Taça, no Pêro Vaz de Caminha, e a equipa açoriana levou a melhor por 0-3.

A data marcada para o jogo é  no próximo dia 15 de Março.

Resultado do sorteio:

CD Ribeirense (I) - Boavista FC (II)

CSD Câmara Lobos (I)/GDC Guifães (I) - Rosário Volei (I)

ANDEBOL - CALENDÁRIO DOS SENIORES PARA A SEGUNDA FASE


Realizou o sorteio da segunda fase do Campeonato Nacional da 3ª divisão, de Andebol Seniores.
Conheça o calendário do Boavista



VOLEIBOL - VÁ A LISBOA NO AUTOCARRO DA EQUIPA

Acompanhe o Boavista a Lisboa e assista ao jogo de Voleibol, por um preço simbólico.

Viaje no autocarro da equipa!

Apoie as seniores neste jogo tão importante.

Informe-se no departamento do Voleibol

ANDEBOL - AGENDA DESPORTIVA PARA O FIM DE SEMANA


quinta-feira, 20 de fevereiro de 2014

ENTREVISTA COM O NOVO JUDOCA, MIRCO CABRAL





No âmbito do protocolo de colaboração, em várias vertentes, entre o Boavista Futebol Clube – Actividades Amadoras – e a escola Fontes Pereira de Melo, Mirco Cabral, aluno desta Instituição de ensino, assinou contrato com o Boavista, na modalidade de Judo, continuando a representar a sua escola no desporto escolar e vestindo de xadrez no desporto de competição.

Fomos ao ginásio da Fontes,entrevistar Mirco, que também dá aulas de Judo - estagiando com os seus treinadores.
Foi durante uma aula de Judo, que entrevistamos este jovem Judoca.

Quem é Mirco Cabral?
Sou natural de Cabo Verde, tenho vinte anos e completo vinte e um no próximo mês de Abril. Vim para Portugal com quinze anos, decorria o ano de dois mil e nove.
Directamente para o Porto, ou para outra cidade?
Vim directamente para o Porto.
O ALUNO
Vamos falar um pouco do aluno. Frequentou outra escola em Portugal?
Não. Quando cheguei, decorria já o segundo período e por isso, não tinha escolas para entrar. Apresentei, aqui na Fontes, um pedido de acesso, que foi imediatamente aceite. A Directora da Escola, a Engenheira, Ana Alonso, no mesmo dia desse pedido, encaminhou para uma turma, na qual frequentei as aulas, embora não pudesse ser avaliado, por já ter passado a época de inscrições.
E manteve-se na turma, mesmo sabendo que não lhe valeria (oficialmente) de nada?
Sim, frequentei todo o ano como um aluno normal, ambientando-me e ganhando ritmo para o ano seguinte. Fiquei muito agradecido à Direcção por me terem dado essa oportunidade e reconheço que foi muito positivo.
Já terminou o curso, aqui no Fontes?
Sim, já terminei o curso, mas como desejo entrar para uma faculdade e em Setembro terei que realizar um exame nacional, que é obrigatório, continuo a frequentar as aulas, para conseguir melhores notas. Assim, continuo a ter aulas de português para melhorar os meus conhecimentos e continuo ligado ao desporto escolar, na escola.


Nesse capítulo, tenho conhecimento que já dá aulas de judo a alunos. Aluno e instrutor simultaneamente?
Estou a colaborar com os treinadores, que continua a ser os meus enquanto atleta. A minha colaboração serve de ajuda. Serve, também, para incentivar os meus colegas mais jovens que estão a começar a praticar o Judo.

Estando na Fontes há cinco anos, já se apercebeu que esta escola tem muitos alunos a praticar desporto federado. Esse facto, fica a dever-se ao espirito desportivo dos alunos ou existe um incentivo extra, por parte dos Vossos professores de Educação Física?
Vou falar da minha experiencia escolar no âmbito do Judo, no entanto, é perfeitamente visível o trabalho extraordinário de apoio do Dr. José Mário Cachada, que se empenha a cem por cento para o desporto escolar e não só com o Judo, mas em todas as modalidades. Conheço todos os professores de educação física e sei, que dão tudo para o desporto escolar. Levam-nos a todos os sítios e dão-nos todo o seu apoio, no Judo, no Futsal, no Atletismo.

Actualmente, os professores de educação física estão a impor a sua presença na sociedade. Anteriormente, não era assim. Você considera que um professor de educação física e um professor de corpo inteiro, como outro de qualquer disciplina?
Eu, até diria ao contrário. Hoje em dia, um professor de educação física tem um papel mais importante que qualquer professor. Hoje em dia, vemos os miúdos parados numa sala em frente ao computador, sem terem qualquer contacto com o desporto. Antigamente todos jogavam futebol, todos se movimentavam fisicamente, agora é só jogar play station. O professor de física, ligado a qualquer actividade lúdica/desportiva tem um papel fundamental no combate a um dos males dos jovens como sendo a obesidade infantil. Eu acho que se tem que dar o espaço merecido ao professor de física.

O JUDO
Vamos então falar um pouco de Judo. Como nasceu o gosto pela modalidade?
Tudo aconteceu no meu primeiro ano escolar, quando estava a fazer o décimo ano.
Então quando chegou a Portugal, não praticava judo?
Tudo começou aqui na Fontes. A professora, informou-nos que se tivéssemos actividade no desporto escolar teríamos benefício na disciplina de educação física. Eu estava a fazer o curso de desporto e soube, que a inscrição no desporto escolar, tinha o benefício de um valor na nota da disciplina. Eu até brinquei com a situação, perguntando se caso, eu tivesse vinte valores, com o ponto de benefício teria… vinte e um pontos (riu-se). Tinha um  colega praticava Judo, que me convidou para vir experimentar e assim fiz, gostei do que vi e estou aqui até hoje.

Do desporto escolar, para o desporto de competição. A partir daqui quais são os seus objectivos?
Estou focado neste ano, porque é o meu primeiro ano de sénior, vai ser um ano difícil para me adaptar ao ritmo de seniores, que têm pessoas com muito mais experiência que eu, alguns com mais anos de prática de Judo que eu tenho de vida e isso, no Judo, pesa muito. Mas resumindo, neste dois anos que se seguem quero marcar a minha presença no Judo sénior de Portugal.

O BOAVISTA
Você, acabou de assinar pelo Boavista como atleta federado no desporto de competição, dentro do espírito de colaboração que existe entre a Fontes e o Clube. O que tem a dizer sobre essa passagem para o Boavista?
Antes de responder, quero frisar que o Judo da Fontes no desporto escolar é também um clube. Quanto ao Boavista, para além do grande orgulho que esse facto representa para mim, devo dizer que durante o ano anterior eu já tinha o prazer de treinar no Bessa conjuntamente com atletas do Boavista, graças à amizade do meu mestre com o mestre Pedro Pinheiro do Boavista. O objectivo principal, era elevar o meu nível, treinando e convivendo com atletas de competição. Actualmente, graças ao protocolo que considero muito bom, ingressei de corpo inteiro no Boavista, repito, o que me dá imenso orgulho.

Os seus treinadores, José cachada e Pedro Seco, vêem um futuro muito promissor para si. Essa pressão que exerce não o incomoda?
O Judo já me ensinou muita coisa e entre essas ensinou a viver e lidar com a pressão. Em todos os combates que faço, sinto essa pressão, como a sinto na própria vida. O judo, não nos ensina só o combate desportivo, mas ensina, igualmente, a lidar com pressões da nossa vida.
Tudo que aprendemos no judo pode ser aplicado na nossa vida, por exemplo, eu sinto-me mais preparado e sei viver muito melhor, com a pressão que sinto, comparando com o que acontecia há anos atrás. A pressão que os treinadores exercem sobre mim, considero-a positiva, porque por vezes, ajuda-me a motivar-me mais que o que estou.

Não considera o Judo uma modalidade ingrata? Num combate se escorregar… tudo acaba sem hipótese de recuperação. Não acha isso, uma injustiça?
Não, sinceramente, não considero, porque num combate tanto eu como o meu adversário estamos em iguais circunstâncias e expostos às mesma condição, à mesma sorte, ao mesmo azar. Se eu posso escorregar, ele também pode escorregar…

Um pergunta de quem nada percebe de Judo. Como define a modalidade, o que é o Judo?
Eu diria que o Judo não é só um desporto, é acima de tudo, um estilo de vida. É fácil chegar aqui e praticar Judo, difícil é viver como um Judoca. Temos que tentar levar para o dia-a-dia o que aprendemos no tapete, ou seja, aprendemos a lidar com as situações que nos deparam dia-a-dia. Um aspecto, do qual gosto, é saber que aprendemos a cair. Vamos cair, mas sabemos que também aprendemos a levantarmo-nos. Vamos cair outra vez, vamo-nos levantar outra vez, isto é o ciclo da vida, é o ciclo do Judo, aprender sempre!

A nível de selecções ou a nível internacional já teve algum contacto?
Ainda não tive oportunidade de ser chamado a alguma selecção, mas através do apoio que a escola me deu tive a oportunidade de representar Portugal, duas vezes, na Taça da Europa. Estive presente em duas representações de Portugal no âmbito do desporto Escola, e confesso, que foram os momentos mais altos que tive e que me deram mais satisfação.

O que representa para si, estar aqui a ajudar os seus colegas conjuntamente com os seus treinadores?
Para mim é tudo! Eu no Judo o que mais gosto é de ensinar. Considero que se trabalhar muito irei ser um bom atleta, mas de certeza que no futuro serei muito melhor treinador que atleta eu gosto de ensinar.

Depois da receptividade que lhe proporcionaram na Fontes e mesmo sem conhecermos o que o futuro nos trará, o Mirco ficará sempre ligado à Fontes?

Sem dúvida. Sem saber o que vai acontecer, eu serei sempre um filho da Escola Fontes Pereira de Melo.




Entrevista de Manuel Pina Ferreira




quarta-feira, 19 de fevereiro de 2014

HÓQUEI EM PATINS - AMANHÃ EM PENAFIEL


FUTSAL - AGENDA DESPORTIVA PARA DIA 22/02


KICBOXING - ALGUMAS FOTOS DO CAMPEONATO REGIONAL

Como noticiamos o Kickboxing do Boavista FC esteve em alto nível no campeonato Regional que se realizou em Famalicão.
Hoje, damos a conhecer os nomes dos atletas que conquistaram lugares de honra.


Raquel Moreira - Campeã Regional, na categoria de 60 kg

João Rangel  - Campeão regional, na categoria de 63 kg

Elisabete Fernandes -3º lugar no campeonato regional, na categoria de 50 kg

Ruben Lopes -3º lugar no campeonato regional, na categoria de 84 kg

Rui Faria - 3º lugar no campeonato regional, na categoria de 79 kg


Nota: O Amadoras tem prevista a curto prazo (aguardamos disponibilidade do departamento) um artigo sobre a modalidade no Boavista, com várias entrevistas

JUDO - AMANHÃ ENTREVISTA COM MIRCO CABRAL

O “Amadoras” esteve, hoje, na escola Fontes Pereira de Melo, para entrevistar o mais recente atleta de Judo, Mirco Cabral.

Essa entrevista, será publicada na íntegra amanhã e versará toda a actividade de Mirco como aluno, instrutor de Judo, atleta do desporto escolar pela equipa da Escola Fontes Pereira de Melo e de alta competição ao serviço do Boavista Futebol Clube.
Dando início à aula de Judo no ginásio da Fontes, dizendo aos seus alunos em análise a uma competição.
"Parabéns aos que ficaram em primeiro. Aos que ficaram em segundo, digo que com trabalho podem ser primeiros e aos outros... como vêem com trabalho é possível chegar a primeiro. Vams então trabalhar"

Entre muitas afirmações de Mirco destacamos (para já) duas:
“ o Judo é uma escola da vida, ensina-nos a levantar depois de uma queda, sabemos que voltaremos a cair, mas também sabemos que voltaremos a levantar-nos”

“ não sei o que o futuro me dará, mas seja qual for o meu futuro serei sempre um filho da Fontes Pereira de Melo”


Uma entrevista a não perder à qual se seguirá um entrevista com o seu treinador do Boavista.

COLEÇÃO DE CROMOS - CORREÇÃO SOBRE O FECHO DA COLECÇÃO

 Por lapso, informamos mal, o processo de conclusão da colecção de cromos das Amadoras.
Após termos reunido com o responsáveis para esclarecimento desse assunto,  podemos informar oficialmente.
   - Ao coleccionador a quem faltar um número de 25 (ou menos cromos) tem o direito de apresentar a sua caderneta e encomendar directamente os cromos que lhe restam para concluir a mesma.
-  -   O valor de cromo (desses 25) será de 50 cêntimos, igual ao valor de cada caderneta.
   - Pelo valor  de €12,50, verá a sua caderneta completa.
Nota: O nosso equívoco foi no número que considerávamos ser percentagem, mas como prometido a conclusão da colecção está assegurada.
Pelo incomodo apresentamos as nossas desculpas a todos os coleccionadores.

segunda-feira, 17 de fevereiro de 2014

FUTSAL - PONTO DA SITUAÇÃO À 19ª JORNADA

A décima nona jornada do campeonato nacional, ficou completa ontem com a vitória do Benfica sobre o Cascais

 Com este resultado a classificação ficou assim ordenada



VOLEIBOL - RESULTADOS DO FIM DE SEMANA


VOLEIBOL - CRÓNICA DA VITÓRIA EM ESMORIZ






Clique sobre as fotos para ampliar
Fonte; Site do Voleibol

VOLEIBOL - NAS MEIAS FINAIS DA TAÇA DE PORTUGAL


ANDEBOL - RESULTADOS DO FIM DE SEMANA


FUTSAL RESULTADOS DO FIM DE SEMANA


domingo, 16 de fevereiro de 2014

FUTSAL - BOAVISTA MANTEM O QUINTO LUGAR NA TABELA