Texto principal

ESTA ÉPOCA, O BOAVISTA FUTEBOL CLUBE CONTINUARÁ A PARTICIPAR EM VÁRIAS MODALIDADES A NÍVEL NACIONAL, COM OS OBJECTIVOS DE HONRAR O NOME DESTE CLUBE. O ANDEBOL SÉNIOR E VOLEIBOL FEMININO, DISPUTAM O PRIMEIRO ESCALÃO NACIONAL... OUTRAS MODALIDADES LUTAM PELO REGRESSO A ESSE ESCALÃO.


domingo, 23 de outubro de 2011

FUTSAL - ALBERTO MELO ELOGIA EQUIPA E CRITICA ÁRBITROS


Alberto Melo, era um homem dividido, no final do jogo. Encantado com a prestação dos seus jogadores e irritado com a actuação dos árbitros.
Berto, o que tens para dizer?
Vou iniciar esta análise ao jogo pela parte mais importante que são os jogadores. Hoje, foram guerreiros, honestos, dedicados, empenhados, solidários e amigos. No fundo foram uma verdadeira equipa.
Um agradecimento à nossa Massa Associativa, pela sua presença e apoio que fizeram o favor de dar à equipa. Para os Panteras Negras , as palavras são poucas para os elogiar, porque demonstraram ser a melhor claque do pais e foram o nosso sexto jogador.
Quanto ao jogo?
Uma primeira parte equilibrada, com mais posse de bola e uma ou outra oportunidade de golo para o Benfica. A nossa estratégia ia caminhando no bom sentido, isto é, sair em transições e contra ataques rápidos. Conseguimos fazer um golo e aguentar a máquina de fazer golos do adversário.
Disseste ia... porque o dizes?
A cinco minutos do fim, aparece em jogo, um adversário directo, com o qual não há estratégia que resista, a Equipa de arbitragem! Transformaram uma expulsão directa num cartão amarelo ao guarda redes do Benfica e nesse caso poderíamos ter feito o segundo golo e a história do jogo poderia ter sido outra. Toda a gente viu no pavilhão… ah desculpem. Os donos da verdade absoluta e talvez o seu observador viram em sentido contrário.
Mas há mais razões de queixa?
Não contentes com o que tinham feito na jogada anterior… no minuto seguinte expulsam um nosso jogador e o adversário aproveita para fazer o segundo golo. Mas que arbitragem tão tendenciosa e com tanta falta de coragem.
Essa actuação foi determinante?
Na segunda parte, entramos muito mal e o Benfica faz dois golos num minuto e acaba com o jogo. Tentamos reagir , fazendo o nosso segundo golo e criando algumas oportunidades na cara do guarda redes adversário, que não foram concretizadas. Não fomos eficazes na concretização e cm estas equipas esse facto paga-se caro.
E agora como vês o futuro?
Estamos numa situação classificativa difícil mas não irreversível. Confiamos na qualidade e empenho dos nossos jogadores para dar a volta a esta situação.