Texto principal

O BOAVISTA, VAI ORGANIZAR NO ÚLTIMO FIM-DE-SEMANA DE MAIO E PRIMEIRO FIM-DE-SEMANA DE JUNHO UM GRANDE TORNEIO DE BILHAR, QUE DECORRERÁ NA SALA DO ESTÁDIO DO BESSA

terça-feira, 14 de março de 2017

VIET VO DAO - GUILHERME ALMEIDA, BICAMPEÃO NACIONAL, APRESENTA-SE COMO UM JOVEM COM OBJECTIVOS



Na continuação da apresentação da modalidade de Viet  Vo Dao, apresentamos a opinião de um jovem bicampeão Nacional.

 Como te chamas e que idade tens?


O meu nome é Guilherme Almeida e tenho doze anos.

És praticante da modalidade, há quanto tempo?

Aproximadamente há sete anos.


O teu caso prova que mesmo sendo uma Arte Marcial, se pode iniciar com pouca idade. Concordas?

Depende. Por norma, começamos pelos cinco anos, que é o desejado. Daí para cima, é livre o inicio na modalidade.

Basicamente o que se pode ganhar na prática do Viet Vo Dao?

Nesta Arte Marcial, ganha-se um grande controlo, porque na escola, o  pessoal da minha idade, só pensa em bater. Ao fim de  cerca de três anos, a treinar a modalidade, nós passamos a ter a noção que podemos magoar alguém se enveredar-mos por bater. 
Na minha opinião ao terceiro ano de prática, temos a consciência que não devemos tocar agressivamente em ninguém, porque temos poder para magoar. acima de tudo aprendemos a defender-nos.

Então a modalidade alterou a tua sensibilidade?

Obviamente. No Viet Vo Dao, temos a parte teórica e a parte prática. Para se passar de nível, temos que realizar exames a essas duas partes. A parte teórica, obriga a dar a  conhecer como nos comportamos na escola, em casa, na rua etc… tudo isso, se completa e altera, para melhor, a nossa sensibilidade. Há uma formação contínua e mediante a idade e progresso é que e vai ser atribuído o grau.

É necessário começar cedo na prática do Viet Vo Dao?

Não. Pode-se começar com qualquer idade. Os Mestres é que decidem, depois, qual a técnica a ensinar ao praticante. As técnicas não são dadas as praticantes de qualquer idade, sem haver uma decisão e estudo do praticante. 
Lutas são ensinadas a partir dos doze/treze anos, antes temos que brincar, aprender a saltar, a cair, a dar cambalhotas etc…

Guilherme, tem que se trabalhar muito, para se conseguir ser campeão?

Como em tudo, quanto mais se trabalha, mais se consegue. O Viet Vo Dao, é um conjunto de todas as Artes Marciais, por isso, para se progredir tem que se realizar um bom  trabalho e dedicação, porque não é só com o básico que se consegue resultados.


Falemos de ti. Como se consegue ser campeão nacional?

Com muito trabalho e ter a consciência que o podemos conquistar. Para este campeonato, eu trabalhei quase quatro anos. Foi com essa dedicação que consegui trazer as duas medalhas de ouro.